O jogo florido

2
540

Uma solução criativa foi utilizada pela Federação de Futebol da Turquia para coibir a violência nos estádios e punir vândalos nas torcidas. A ideia foi colocada em prática em setembro último no jogo Fenerbahce x Manisapor, quando apenas mulheres e crianças tiveram acesso às arquibancadas e, o melhor, sem pagar ingresso. Tudo começou porque em amistoso realizado em julho, na partida Fenerbahce x Shaktar Donetsk, a torcida do Fener invadiu o gramado, gerando a punição.

Sempre que se fala em algum tipo de proibição de acesso a um estádio, a proposta soa ridícula. Como assim, em pleno 2011, ainda temos que proibir alguém de ir a um estádio de futebol torcer apenas porque essa pessoa não sabe se comportar? Infelizmente, é a realidade; tem gente que ainda não sabe se comportar. Assim, a proposta foi inteligente e divertida. Estádio cheio é bem melhor e, nesse caso, também ficou bem mais agradável e bonito.

Alex, atleta do Fenerbahce, ex-Palmeiras, comentou a respeito: “Pareciam olimpíadas colegiais”. A moda poderia pegar por aqui!

COMPARTILHAR
Post anteriorCurso: Brasil Penta / Perspectivas para 2014
Próximo postMineirinho
Ricardo Roca
Formado em Comunicação Social e pós-graduado em Administração de Empresas, ambos os cursos pela ESPM, atualmente cursando mestrado em Linguística. Professor universitário, sócio da Roda Fiandeira, consultor nas áreas de comunicação e marketing e apaixonado por futebol e arte.

2 COMENTÁRIOS

  1. […] Além disso, outras medidas adotadas em alguns países são polêmicas, como a redução da capacidade dos estádios, o aumento do preço dos ingressos, a obrigatoriedade de que os torcedores fiquem sentados durante toda a partida, a adoção de torcida única em determinados jogos ou mesmo os jogos sem torcida e a proibição da entrada de homens adultos no estádio como punição para torcidas que se envolvessem em brigas, ação adotada na Turquia e já citada aqui no Jogo Florido. […]